Vereadores elegem nova Mesa Diretora para exercício 2020

por Imprensa publicado 09/12/2019 21h50, última modificação 10/12/2019 11h23
Eleitos serão automaticamente empossados a partir de 1º de janeiro de 2020, com mandato de um ano

Os vereadores da Câmara Municipal de Tijucas elegeram na última segunda-feira (9) os novos membros da sua Mesa Diretora – órgão responsável pela direção dos trabalhos do Poder Legislativo municipal. Por maioria de votos, a nova Mesa será composta pelos vereadores Vilson Natálio Silvino (PP) como Presidente; Maria Edésia da Silva Vargas (PT) como Vice-Presidente; Odirlei Resini (MDB) como 1º Secretário; e Rudnei de Amorim (DEM) como 2º Secretário. Os eleitos serão automaticamente empossados a partir de 1º de janeiro de 2020. O mandato da Mesa é de um ano.

A escolha da nova Mesa aconteceu com votação nominal para cada um dos cargos. Diferente de outros anos, em que a disputa costuma ser acirrada, a eleição ocorreu de forma tranquila e sem concorrência entre os parlamentares. Como a bancada composta pelo MDB/PDT decidiu não indicar nomes à disputa, apenas os membros da bancada PSD/PT/DEM/Cidadania concorrem às vagas.  

Reeleito ao cargo de Presidente, o vereador VIlson Natálio SIlvino (PP) atribuiu o resultado ao excelente trabalho realizado em 2019, agradecendo os servidores - comissionados e efetivos - pela competência e profissionalismo com que exercem suas funções. "É preciso agradecer aos servidores pelo excelente trabalho em equipe que fizemos ao longo desse ano; a reeleição de hoje representa o reconhecimento desse empenho", afirmou Silvino. O parlamentar recebeu 10 dos 12 votos possíveis. Os vereadores Fabiano Morfelle (PDT) e Fernando Fagundes (MDB) se abstiveram de votar, e a vereadora Fernanda Melo Bayer (MDB) estava ausente. 

Por seu turno, a vereadora Maria Edésia da Silva Vargas (PT) - a Déda - foi eleita como Vice-Presidente com dez votos favoráveis e duas abstenções. Em seu discurso, a parlamentar agradeceu os votos de confiança e prometeu continuar com o trabalho que vem sendo realizado. "Vou honrar o voto de vocês e continuar o trabalho magnífico que vem sendo feito nesta Casa", disse. O vereador Odirlei Resini (MDB) foi eleito para o cargo de 1º Secretário com nove votos favoráveis e três abstenções. Por fim, o vereador Rudnei de Amorim (DEM) foi eleito para o cargo de 2º Secretário com nove votos favoráveis e três abstenções.

A escolha dos novos membros aconteceu durante a última sessão ordinária do ano, realizada no dia 09 de dezembro. O encontro foi inteiramente dedicado à eleição, sem análise de indicações, requerimentos ou projetos de lei.