Vereadores pedem aquisição de carro adaptado para levar cadeirantes

por Imprensa publicado 10/03/2021 10h05, última modificação 16/03/2021 12h40
Veículo trará mais conforto e segurança para os passageiros e motoristas do transporte da saúde

Os vereadores da Câmara Municipal de Tijucas solicitaram ao Prefeito que analise a possibilidade de adquirir um veículo adaptado para o transporte de cadeirantes a consultas de saúde. O pedido foi formalizado por meio da Indicação nº 94/2021, do vereador Cláudio da Saúde (PP), e aprovado por unanimidade em sessão ordinária no dia 4 de março. A proposta foi subscrita pelos vereadores Nadir da Saúde (PSD) e Cláudio do Jornal (PDT). 

De acordo com o vereador Cláudio da Saúde (PP), a aquisição de um veículo adaptado é necessária para que o Município possa transportar com mais segurança e facilidade pessoas com deficiência física. “É uma dificuldade muito grande colocar o cadeirante dentro do carro normal. Há a questão de segurança do próprio cadeirante, que precisa ser pego no colo e colocado no assento. O carro adaptado vai facilitar muito a vida do paciente e também do motorista do transporte”, explica. 

Além do conforto, o transporte por meio de um veículo adaptado reduziria o esforço de locomoção dos pacientes. “Precisamos de um carro pequeno para deixar os cadeirantes na porta do ambulatório. Hoje, no caso do Hospital Regional de São José, precisamos deixar o cadeirante na rotatória. Agora imagem essa situação em dias chuvosos”, exemplifica o parlamentar, chamando atenção para a dificuldade. 

Ao apoiar a sugestão, o vereador Cláudio do Jornal (PDT) lembrou que o cadeirante sente-se mais à vontade ao se locomover de forma independente. “Há a questão de muitas vezes o cadeirante ser muito pesado para ser carregado, mas também pela situação constrangedora que essas pessoas passam ao precisarem ser pegas no colo e colocadas no carro. Por mais que o motorista seja humano, seja alguém que vá tentar contornar essa situação, ainda assim, é uma situação não muito desconfortável”, disse. 

Para prestar apoio ao pedido, e por terem indicações com o mesmo teor, os vereadores Nadir da Saúde (PSD) e Cláudio do Jornal (PDT) subscreveram a Indicação nº 94/2021. Aprovada em plenário no dia 04 de março, a sugestão segue agora para análise do Prefeito de Tijucas, que poderá adotar ou não a medida. 

Legislação exige ambiente público adaptado

A Lei Federal nº 10.098, de 2000, estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. Nesse contexto, o vereador Erivelto Danone (PDT) trouxe para a discussão a necessidade de fazer com que calçadas e ambientes públicos sejam acessíveis, respeitando a legislação. “Não só para o veículo. É importante trazermos mais condições de acessibilidade para as pessoas com deficiência, como com calçadas bem construídas e preparadas para atender essa necessidade”, defendeu.

Por Rafael Spricigo
Jornalista da Câmara Municipal de Tijucas